A Verdadeira Vida em Deus

Caderno de Anotação 41

A Verdadeira Vida em Deus

431

10 de março de 1990

ciar nenhuma queixa, “como um cor- deiro conduzido ao matadouro, como uma ovelha que permanece muda na presença de seus tosquiadores, jamais abrindo a boca;” 1 e para libertar-te, bem-amado, Eu Me permiti ser trespas- sado por aqueles mesmos que Eu criei; sim, eles trespassaram as Mãos que os criou e, através de Minhas Chagas, Eu os curei... por tua causa Eu suportei horas de sofrimento para tirar tua alma do abismo; Eu sou o Santo, no entan- to, permiti Me estenderes na Cruz, até que Meus Ossos fossem deslocados; sente hoje Minha agonia, sente Minha sede por falta de amor, um amor que nenhuma inundação pode jamais saciar e nenhuma torrente pode afogar; por acaso te verei, a ti, que ainda erras nesse deserto? volta para Mim, reconci- lia-te Comigo e vive santamente, aban- donando teus caminhos; com tristeza e lágrimas, observei esta geração ímpia afastar-se, seguindo o Vício, em vez da Virtude, a Morte em vez da Vida, porque esta geração confiou na mentira, conce- bendo o racionalismo, que deu origem ao ateísmo; então, por quanto tempo devo ficar abandonado e solitário atrás de cada Tabernáculo, enquanto Lágri- mas de Sangue escorrem pelas Minhas Faces, deixando cada fibra de Meu Cora- ção despedaçada? Minhas agonias do Getsêmani repetem-se em Minha Alma a cada hora; entra nas Minhas Chagas e compreenderás Minhas agonias; Eu previ, desde o início, que, apesar de Meu Sacrifício, clãs se levantariam contra Mim e dividiriam Meu Corpo originando tantas novas doutrinas e, uma vez que seu sentido do certo e errado entorpecesse, em sua dissensão, eles perderiam o senti- do de fraternidade; e o lamento de Meus cordeiros, desde então, perfurou Meus

(Mensagem para o grupo de oração, em 31 de março de 1990.) a Paz esteja convosco; Eu, o Senhor Jesus, vos amo; queridíssimos filhos, aprendei que Eu sou a Verdade Eterna; Eu sou o Caminho que vos conduz à Vida Eterna; estais preparados, nestes dias de Qua- resma, para seguirdes Meu Caminho? estais preparados para reconhecerdes que Eu sou Aquele que marcou Meu Caminho com Meu Sangue? Eu sou o Crucificado com as Cinco Chagas que hoje vos fala, Eu sou a Vítima do Amor que busca vos- so coração; vinde, aproximai-vos, vós a quem Meu Coração ama, vós que ainda hesitais, vinde a Mim e penetrai na Chaga de Meu Coração, para que Eu possa sedu- zir-vos e fazer-vos compreender que lá encontrareis vossa Paz e Alegria; vem mais perto de Mim, alma, e dei- xa-Me soprar em ti Minha doce fragrân- cia, revivendo-te; abandona-te a Mim e envolverei tua alma em Meu Sagrado Coração; chama-Me e Eu te responderei, busca-Me fervorosamente e Me encon- trarás; abandona teus maus caminhos e coloca teus pés em Meu Caminho e Eu te elevarei e arrebatarei tua alma para deli- ciar Minha Alma; Meu Amor é como uma Fonte, um Poço de Águas Vivas, portanto vem e bebe dessa Fonte e viverás; não sejas como o mundo, porque o mundo não aprecia Meu grande Amor; Meu filho, compreendeste plena- mente Minha Paixão? Eu sou Aquele que te libertará da Morte; fui perse- guido por tua causa; desfigurado pelos golpes, cuspido, menosprezado, zom- bado e vaiado, para tua libertação; fui açoitado sem misericórdia, por causa de Meu grande amor por ti; carreguei teus pecados em Meus Ombros sem pronun-

1   Is 53, 7.

Made with